16 de abril de 2011

A remuneração do Professor do ensino superior – reajuste 2011





Segundo notícias divulgadas no site do Sindicato dos Professores de São Paulo – SINPRO-SP -, ainda não foi definido o índice de reajuste dos salários do ensino superior para 2011.

Segundo o SINPPRO-SP, as negociações encontram-se atualmente paradas devido ao que ele chama de “boicote” das mantenedoras, o que demonstra uma “postura de indiferença e desrespeito com toda a categoria”.

O SIMPRO-SP propõe para 2011 um índice de reajuste que incorpore a depreciação da moeda no último ano e a manutenção de todas as cláusulas constantes da convenção coletiva e pagamento da hora tecnológica.

Aos interessados sugerimos a leitura do site do SINPRO-SP, cujo link é o seguinte:



Todos os anos a definição do reajuste dos professores se arrasta por meses após a data em que ele deveria ter sido concedido - março.

Já está na hora de os representantes das duas categorias (professores e instituições de ensino) iniciarem as discussões com maior antecedência, evitando o reajuste salárial só venha a ser concedido praticamente no meio do ano.

Um comentário:

  1. Todo ano é a mesma coisa, não sei porque a demora, o reajuste do ensino básico sempre sai primeiro.
    Qual a diferença?

    Se a data base é março, deveriam cumprir o prazo e não sair no meio do ano para o IR comer parte de uma parte da reposição, pois, a inflação é sempre maior que o reajuste.

    E tenho dito!

    ResponderExcluir

Agradecemos seu comentário. Críticas serão sempre aceitas, desde que observado os padrões da ética e o correto uso da nossa língua portuguesa.