30 de novembro de 2011



Parabéns Fafá de Belém 

Diga não à divisão do Pará.

Nenhum brasileiro quer pagar a conta de três Estados deficitários – segundo o IPEA.

Assista o depoimento da cantora paraense.





Missão social do advogado






Crédito imagem - carcara-ivab.blogspot.com



Não posso deixar de reproduzir o texto abaixo em meu blog. Ele se destina a todos os operadores do Direito e, em especial, aos alunos dos cursos de Direito. 

Leiam e reflitam.

Refletir sobre a missão social do advogado é a preocupação deste texto. Mas, na verdade, ao discutir a missão do advogado acabamos por enveredar por outros caminhos. Tratamos, por exemplo, da luta pela sacralidade da pessoa humana. Cuidamos dos Direitos Humanos e dos compromissos concretos que decorrem da decisão existencial de optar por essa causa.

Figuras sagradas da Advocacia, nem sempre conhecidas pelos jovens como deveriam ser, são mencionadas com reverência.

Num mundo e numa época em que se perdem os referenciais éticos, os mais velhos têm o dever de ajudar os mais jovens a buscar o sentido essencial das coisas.

Ex-alunos que se tornaram advogados e alunos de hoje que se preparam para um dia servir ao Direito, como advogados ou mesmo noutros misteres ligados ao mundo jurídico, frequentemente me interpelam sobre o que entendo deva ser o fundamento da ética profissional.

Destaco três pontos na ética do advogado: seu compromisso com a dignidade humana; seu papel na salvaguarda do contraditório; sua independência à face dos Poderes e dos poderosos.

Em primeiro lugar, creio que é a luta pela dignidade da pessoa humana que faz da Advocacia, não uma simples profissão, mas uma escolha existencial.

Se nos lembramos de Rui Barbosa, Sobral Pinto, Heleno Cláudio Fragoso, qual foi a essência dessas vidas?

Respondo sem titubear: a consciência de que a sacralidade da pessoa humana é o núcleo ético da Advocacia.

Esta é uma bandeira de resistência porque se contrapõe à “cultura de massa” que se intenta impor à opinião pública, no Brasil contemporâneo.

A “cultura de massa” inocula o apreço “seletivo” pela dignidade humana. Em outras palavras: só algumas pessoas têm direito de serem respeitadas como pessoas.

Há um discurso dos Direitos Humanos que é um discurso das classes dominantes. Nações poderosas pretenderam e pretendem “ensinar” direitos humanos. Esquecem-se essas nações que o imperialismo político e econômico é talvez a mais grave violação dos Direitos Humanos.

Os Direitos Humanos que propomos aos jovens como “opção de vida” não são, obviamente, os Direitos Humanos dos poderosos da Terra, dos que fazem dessa causa um instrumento da mentira.

Preferimos buscar noutras fontes a seiva dos Direitos Humanos. E, a nosso ver, a mais rica seiva são os movimentos populares.

De minha parte, não foi somente nos livros que aprendi Direitos Humanos. Suponho que aprendi muito mais na prática, ao me comprometer com a luta dos oprimidos. Não foi um esforço solitário, mas, pelo contrário, coletivo. Companheiros que aprendiam e ensinavam – partilhavam – na Comissão “Justiça e Paz” da Arquidiocese de Vitória. Aprendemos Direitos Humanos: nas prisões; nas chamadas “invasões”; na Catedral de Vitória, que foi aberta aos “sem teto”, quando ocorreram “despejos em massa” na capital do Espírito Santo; nas margens do Rio Doce, onde famílias estavam desabrigadas, por causa das enchentes do rio.

A apropriação dos Direitos Humanos pelos movimentos populares não significa desprezar a construção dos Direitos Humanos a partir de outros referenciais e outras origens.

Se o objetivo é a dignidade da pessoa humana, é a ruptura de todas as formas de opressão, as vertentes acabam por encontrar-se e os militantes hão de comungar as mesmas lutas.

Nosso segundo ponto lembra que o Advogado salvaguarda o contraditório, isto é, o embate de teses e provas que se defrontam perante o juiz. Já Sêneca percebeu a necessidade do contraditório quando afirmou que “quando o juiz após ouvir somente uma das partes sentencia, talvez seja a sentença justa. Mas justo não será o juiz”.

Finalmente, vejo a independência em face dos Poderes e dos poderosos como atributo inerente ao papel do Advogado. Não tema o advogado contrariar juízes, desembargadores ou ministros. Não tema o advogado a represália dos que podem destruir o corpo, mas não alcançam a alma. Não tema o advogado a opinião pública. Justamente quando todos querem “apedrejar” aquele que foi escolhido como “Inimigo Público Número 1”, o advogado, na fidelidade à defesa, é o Supremo Sacerdote da Justiça.

Por João Baptista Herkenhoff

juiz de Direito aposentado, professor na Faculdade Estácio de Sá do Espírito Santo.




Publicado:




www.espacovital.com.br

29 de novembro de 2011

O sequestrador culto



Crédito imagem - ibirataianoticias.net



O vídeo que você poderá assistir acessando o vídeo abaixo é uma triste realidade de como nós, brasileiros, maltratamos a nossa língua.

É um material excelente para os professores de Língua Portuguesa, pois certamente os alunos irão aprender muito e dar boas risadas.

Acesse agora, é muito divertido:






Recebi por e-mail do leitor Dr. Caio Celso Nogueira de Almeida, Advogado Garça, SP

Não é possível deixar as portas abertas!



Crédito imagem- artistaadorador.wordpress.com



Recentemente os estudantes da Universidade de São Paulo se rebelaram com uma iniciativa de a Reitoria daquela instituição de, em parceria com a Polícia Militar, promover a segurança no campus daquela universidade.

Ficou provado que a revolta partiu de um reduzido número de estudantes, mais preocupados com a liberdade que lhes poderia ser suprimida de consumir livremente drogas.

Agora são os estudantes da Mackenzie, também um pequeno gruo (70 estudantes) que se movimentaram na noite de ontem contra a instalação de catracas naquela universidade.

De plano queremos manifestar nossa opinião de que não assiste razão aos estudantes em nenhum dos casos, pois se trata de medida que só tem por objetivo resguardar a integridade física de todos que por lá transitam, sejam alunos, professores, funcionários e até mesmo o público em geral.

Numa sociedade violenta em que vivemos atualmente, se rebelar contra medidas que têm por objetivo garantir a segurança é descabida e não faz qualquer sentido.

A rebeldia e a necessidade de protestar é uma marca natural dos jovens que, em dado momento, precisa se extravasada.

Por tudo isso, indagamos aos jovens estudantes de hoje: não seria melhor protestar por um país melhor, sem violência, sem corrupção e sem impunidade, antes de pedir para que as portas de nossas “casas” fiquem abertas?  
Como dizia Thomas Hobbes:


"Os pactos, sem a força, não passam de palavras sem substância para dar qualquer segurança a ninguém".

PROFESSORES: CUIDADO COM O SEU PENDRIVE!








Essa notícia merece ser reproduzida na íntegra.



Uma professora de uma escola da cidade de Junín, na Argentina (a cerca de 270 km da capital Buenos Aires), distribuiu por engano para seus alunos um pendrive que continha um vídeo dela fazendo sexo.



O equipamento deveria conter somente materiais para a aula de biologia, mas, por engano, veio com um vídeo intitulado “Férias” – com as imagens de sexo explícito. A filmagem foi compartilhada na internet pelos alunos.



A diretora do colégio, Gladys Prieto, afirmou à imprensa local que o episódio é “grave, mas involuntário” e que o caso foi levado a instâncias superiores. O inspetor-chefe da regional de educação de Junín, Raúl Angelucci, afirmou que a docente “será afastada do cargo até que a investigação seja concluída”.



*Com informações do La Nacion



Fonte:

http://noticias.uol.com.br/educacao/2011/11/28/professora-argentina-distribui-a-alunos-por-engano-video-dela-fazendo-sexo.jhtm

Fernando Haddad é o candidato do PT e pronto.





Crédito imagem - jovenseleitoresnt.wordpress.com


O atual Ministro da Educação, Fernando Haddad, é o candidato do PT e  de seus aliados ao cargo de Prefeito da maior cidade do Brasil: São Paulo.

O partido que cresceu e se consolidou hoje no poder sob a bandeira da democracia, não demonstrou coerência com os princípios desse regime, ao impor uma candidatura sem a realização de prévias. E existiam postulantes, nomes expressivos, dentro do partido.
Manda quem pode obedece quem tem juízo.

Mas não há o que fazer. Fernando Haddad poderá ser eleito o novo Prefeito de São Paulo nas próximas eleições.
Julgo, todavia, que se confirmada a participação de Gabriel Chalita, como candidato do PMDB, a parada vai ser dura para o Ministro. Não vejo, por ora, outros nomes que possam enfrentar Haddad.

Posto isso, é preciso que o Ministro estude o mapa da cidade que pretende governar. Outro dia, em entrevista concedida, ele demonstrou que sequer conhece os bairros nobres da cidade, ao referir-se ao Itaim Paulista, como periferia!!!

Tem muito paulistano que gostaria de morar na periferia Senhor Ministro.

28 de novembro de 2011

Internet - Cuidados ao acessar o banco






Crédito imagem: banking-online.us



Como ainda é muito comum a prática de golpe contra os correntistas que se utilizam a internet para acessar sua conta bancária, trazemos aos nossos leitores os conselhos dos especialistas.

Vejam o que eles dizem:

Acessar o banco pela internet é pratico, mas tenha cuidado: há criminosos esperando apenas um descuido seu para colocar as mãos em seu dinheiro.

Um dos golpes mais populares na internet são os e-mails de “phishing” que alegam que um banco está “recadastrando contas” ou fazendo uma “atualização de segurança” , e que tentam convencer o usuário a visitar um site (que parece o site do banco, mas é comandado por criminosos) para “confirmar seus dados pessoais”, incluindo aí o número da conta, agência, senha...

Não precisamos dizer que quem cai nessa história tem prontamente todo o dinheiro em sua conta roubado, e ainda corre o risco de ter que arcar com os custos de empréstimos feitos pelos falsários. Isso não significa que você deve evitar o home banking: não dá pra abrir mão desta comodidade com a correria da vida moderna. Basta seguir alguns cuidados básicos, como os que mostramos a seguir. Não garantimos que você ficará imune aos hackers, mas os riscos serão bem menores.

Leia também:

10 passos para ficar seguro

1. Instale software de segurança: não dá pra frisar o quão importante é isso. Instale um pacote anti-vírus e anti-spyware, nem que seja um gratuito como o AVG Free ou o Microsoft Security Essentials e o mantenha sempre atualizado. Um anti-vírus desatualizado é pior do que anti-vírus nenhum, pois dá uma falsa sensação de segurança.

2. Tenha cuidado com os e-mails: você recebeu uma mensagem do banco dizendo que é necessário algum tipo de recadastramento ou atualização, ou você perderá o acesso à sua conta. Em primeiro lugar, pare e pense: você tem conta no banco que supostamente mandou o e-mail? Não? Então vai atualizar o quê? Descarte a mensagem, pois é golpe.

Em segundo lugar, preste atenção: os golpistas costumam cometer erros grosseiros de português, que um banco de verdade nunca cometeria. Se a mensagem parece ter sido escrita por um repetente da 5ª série, desconsidere.

Em terceiro lugar, por mais legítima que a mensagem pareça, não clique em nenhum link. Mesmo um link que parece legítimo à primeira vista pode estar “armado” para levá-lo a uma página falsa que irá tentar roubar suas informações pessoais, isso se não infectar também seu computador com malware. Feche a mensagem, abra um navegador e digite manualmente o endereço do site de seu banco. Veja se a página fala sobre algum recadastramento, se ele for verdadeiro estará lá. Em caso de dúvidas, entre em contato com o atendimento ao cliente do banco.

3. Não continue na página se ela não for segura: antes de digitar seu nome de usuário e senha na página do banco, dê uma espiadinha no endereço. Ele deve começar com “https://” em vez de “http://”. O “s” extra indica uma conexão segura entre o site e seu navegador. Se a conexão não for segura, não prossiga. O Firefox e o Chrome dão uma forcinha, e destacam o começo do endereço em verde se estiver tudo OK.

4. Use uma senha forte: as melhores senhas tem pelo menos 8 caracteres e são uma combinação aleatória de letras (idealmente maiúsculas e minúsculas) e números, como “LVtkG70D”. “joao1234” ou “12senha3” não são combinações aleatórias, e são péssimas senhas pois são fáceis de adivinhar (assim como datas de aniversário). Se seu navegador se oferecer para guardar a senha, diga que não. Estas dicas servem não só para bancos, mas para qualquer site ou serviço na web.

E nem pense em usar a mesma senha do banco em qualquer outro site que você visita. Se você não quer ter o trabalho de criar senhas fortes e se lembrar delas, use um gerenciador de senhas como o LospPass que é gratuito e funciona com qualquer navegador.

5. Evite computadores e redes públicas: não acesse o site de seu banco, de sua operadora de cartão de crédito ou mesmo uma loja virtual em um computador público, como uma Lan House, nem usando uma conexão Wi-Fi “gratuita” em um shopping ou restaurante. Você nunca sabe o que pode ter sido instalado no computador (há programas chamados keyloggers, que capturam tudo o que é digitado e enviam a informação para um criminoso) ou se há alguma “escuta” na conexão.

6. Proteja informações confidenciais: se você guarda recibos de banco ou formulários de imposto de renda no computador, encontre uma forma de criptografá-los. Assim, mesmo que seu computador cair em mãos erradas eles estarão a salvo de bisbilhoteiros. Uma alternativa é guardar estes arquivos em um pendrive ou HD externo com criptografia e um leitor de impressões digitais integrado. Assim, só você terá acesso a eles.

PCWorld EUA / PCWorld Brasil 

Fonte:

A dura vida de um(a) professor(a) hoje em dia



Não é de hoje que os pedagogos ressaltam a importância da interação do professor-aluno, para que a construção do conhecimento seja alcançada e o discente deixe a sua dependência intelectual para atingir a sua maioridade intelectual.


Dentro desse contexto, deve o professor buscar a melhor forma de comunicação com seus alunos, para que por meio de uma interação eficaz consiga o objetivo principal, que é a autonomia de pensar dos seus discípulos.

Todavia, nossas escolas hoje estão exigindo muito mais do professor.

Veja um exemplo que encontramos no www.charges.uol.com.br


Assista o vídeo agora:


http://mail.uol.com.br/attachment?msg_id=NTQzNjg&ctype=pedagogia.wmv&disposition=attachment&folder=INBOX&attsize=3964327


NOTA 1

A respeito do tema vale citar:


A relação professor-aluno é uma condição do processo de aprendizagem, pois essa relação dinamiza e dá sentido ao processo educativo. Apesar de estar sujeita a um programa, normas da instituição de ensino, a interação do

professor e do aluno forma o centro do processo educativo.

A relação professor- aluno pode se mostrar conflituosa, pois se baseia no convívio de classes sociais, culturas, valores e objetivos diferentes. Podemos observar dois aspectos da interação professor-aluno: o aspecto da transmissão de conhecimento e a própria relação pessoal entre professor e aluno e as normas disciplinares impostas.

Essa relação deve estar baseada na confiança, afetividade e

respeito, cabendo ao professor orientar o aluno para seu crescimento interno, isto é, fortalecer-lhe as bases morais e

críticas, não deixando sua atenção voltada apenas para o

conteúdo a ser dado.

Luiza de Souza Müller, A INTERAÇÃO PROFESSOR – ALUNO NO PROCESSO EDUCATIVO, IN:



Nota 2:

Recebi o vídeo por e-mail de Djalma, Mogi das Cruzes, SP

VAI VIAJAR DE AVIÃO? VEJA NOVAS REGRAS DA ANAC










Anac (Associação Nacional da Avaiação Civil) divulga itens proibidos em voo e regras de inspeção de passageiros

Se você vai viajar de avião, em voos domésticos ou para o estrangeiro, deve estar ciente de tudo aquilo que é proibido levar na sua bagagem de mão, bem como as regras de inspeção dos passageiros. 

Algumas dessas proibições já estavam em vigor em resoluções anteriores da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). 

Veja agora, novas regras que foram estabelecidas recentemente:



Emprego: como conseguir.



Crédito imagem - conexaoensino.com.br


Dicas infalíveis para conquistar um emprego I


Dicas infalíveis para conquistar um emprego II


Currículos criativos


Como se comportar numa entrevista


Concurso Público – Dúvidas:


erros cometidos em entrevistas:


 Boa sorte.

Quantas verdades em uma simples oração.






Esta oração foi feita em Kansas, na sessão de inauguração da ‘Kansas House of Representatives.’ Quando se pediu ao reverendo Joe Wright que fizesse a oração de abertura no Senado de Kansas, todos esperavam uma oração ordinária, mas isto foi o que todo escutaram:

“Senhor, viemos diante de Ti neste dia, para Te pedir perdão e para pedir a tua direção. Sabemos que a tua Palavra disse: ‘Maldição àqueles que chamam “bem” ao que está “mal“, e é exatamente o que temos feito.

Temos perdido o equilíbrio espiritual e temos mudado os nossos valores.Temos explorado o pobre e temos chamado a isso “sorte”.

Temos recompensado a preguiça e chamamo-la de “Ajuda Social”.

Temos matado os nossos filhos que ainda não nasceram e temo-lo chamado “a livre escolha”.

Temos abatido os nossos condenados e chamamo-lo de “justiça”.

Temos sido negligentes ao disciplinar os nossos filhos e chamamo-lo “desenvolver a sua auto-estima”.

Temos abusado do poder e temos chamado a isso: “Política”.Temos cobiçado os bens do nosso vizinho e a isso temo-lo chamado “ter ambição”.

Temos contaminado as ondas de rádio e televisão com muita grosseria e pornografia e temo-lo chamado “liberdade de expressão”.

Temos ridicularizado os valores estabelecidos desde há muito tempo pelos nossos ancestrais e a isto temo-lo chamado de “obsoleto e passado”. Oh Deus!, olhe no profundo dos nossos corações;purifíca-nos e livra-nos dos nossos pecados. Amém.

A reação foi imediata.

Um Parlamentar abandonou a sala durante a oração. Três outros criticaram a oração do Padre classificando a oração como “uma mensagem de intolerância”.

Durante as seis semanas seguintes, a Igreja ’Central Catholic Church‘ onde trabalha o sacerdote Wright recebeu mais de 5.000 chamadas telefônicas, das quais só 47 foram desfavoráveis..Em nosso congresso brasileiro, às aberturas, se diz que se iniciem os trabalhos da sessão sob a proteção divina. Usam o nome do Senhor em vão, pois o que decorre em seguida, na maioria das vezes, se nega todo desejo dantes proferido. Seria tão bom que de quando em quando proferissem a prece acima “só para lembrarem” das suas obrigações.Com a ajuda de Deus, gostaríamos que esta oração se derramasse sobre a nossa nação, e que nascesse em nossos corações o desejo de chegar a ser uma ”Nação debaixo do olhar de Deus”.Se não temos o valor de nos mantermos firmes nas nossas convicções, então cairemos diante de qualquer outro argumento, ou inimigo.

Recebi por e-mail: Mariza Brandimarti.

Horas extras e trabalho nas férias por conta das novas tecnologias


Crédito Imagem - lizbittar.com.br


Notícia divulgada hoje na Folha.com informa que muitos trabalhadores brasileiros, por conta das novas tecnologias, estão sendo requisitados pelos seus empregadores fora do horário de trabalho e nas férias.
Some-se a isso, que a jornada normal de trabalho foi aumentada. Raro é o executivo que trabalha hoje menos que 10 horas diárias na empresa ou a serviço dela, sem contar, neste caso, com os contatos virtuais via celular ou e-mail.
Segundo a notícia mais da metade dos executivos consultados diz que “o teto da carga horária no escritório saltou de oito para dez horas diárias, e quase 80% são acionados nos momentos de lazer e descanso via mensagens no celular”. Da mesma forma, informa a pesquisa que “nem as férias escapam: mais de 50% dos funcionários de empresas que atuam no país respondem a e-mails de trabalho nesse período, segundo pesquisa feita pela Asap, consultoria de recrutamento de executivos, a pedido da Folha.
Leia mais na Folha desta segunda-feira, 28 de novembro.
Nota:
Já há decisões de nossos Tribunais que estão concedendo o direito de tais trabalhadores receberem pagamento pelas horas extras trabalhadas em decorrência de terem sido acionados por e-mail ou telefone e, por essa razão, ter prestado qualquer serviço à empresa.
Leia a respeito em nosso post - Horas extras - trabalho a distância:

http://blfranco.blogspot.com/2011/11/horas-extras-trabalho-distancia.html

Seguro de saúde empresarial estará disponível sem carência para demitidos e aposentados


Boa notícia: veja.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou, nesta sexta-feira (25), Resolução Normativa que assegura aos trabalhadores demitidos e aposentados o direito de manutenção do plano de saúde empresarial a que tinham direito durante o contrato de trabalho, sem alterações na cobertura. De acordo com a medida, a assistência deverá ser mantida sem a chamada “carência” para qualquer serviço. Além disso, a norma prevê a portabilidade especial para outra operadora durante a vigência do direito de manutenção do plano ou após o término deste prazo, dando a possibilidade de o usuário migrar para um plano individual ou coletivo por adesão.

Conforme a Resolução 279, que entra em vigor dentro de 90 dias, para ter direito aos benefícios o ex-empregado deverá ter sido demitido sem justa causa e contribuído com o pagamento do plano de saúde. Os empregados demitidos poderão permanecer no plano de saúde (que passa a ser custeado pelo segurado) por um período equivalente a um terço do tempo em que foram beneficiários dentro da empresa, respeitando-se o limite mínimo de seis meses e máximo, de dois anos. Já os aposentados que contribuíram por mais de dez anos poderão manter (e custear) o plano pelo tempo que desejarem. Quando o período for inferior a este tempo, cada ano de contribuição dará direito a um ano no plano coletivo depois da aposentadoria.

A diretora adjunta de Norma e Habilitação dos Produtos da ANS, Carla Soares, explica que o empregador poderá manter os aposentados e demitidos no mesmo plano dos ativos ou fazer uma contratação exclusiva para eles. “Se a empresa preferir colocar todos no mesmo plano, o reajuste será o mesmo para empregados ativos, demitidos e aposentados; caso contrário, poderá ser diferenciado”. Soares informa ainda, que no caso de planos específicos em separado para aposentados e demitidos, o cálculo do percentual de reajuste tomará como base todos os planos de ex-empregados na carteira da operadora. “O objetivo é diluir o risco e obter reajustes menores”, afirma.

A Resolução 279 ficou aberta a contribuições durante 60 dias de Consulta Pública. Entre os últimos meses de abril e junho, o texto recebeu sugestões da sociedade civil e de agentes regulados. Mais informações podem ser obtidas por meio da Assessoria de Imprensa da ANS.

Fonte:
Do UOL Ciência e Saúde
Em São Paulo

Curiosidades que não servem para nada






Crédito imagem - ciaecell.com.br

 

Se você ficar gritando por 8 anos, 7 meses e cinco dias, terá produzido energia sonora suficiente para aquecer uma xícara de café.
(Não parece valer a pena).

Se você peidar constantemente durante 6 anos e 9 meses, terá produzido gás suficiente para criar a energia de uma bomba atômica.
(Agora sim!)
O coração humano produz pressão suficiente para jorrar o sangue para fora do corpo a uma distância de 10 metros.
(Uau!)

O orgasmo de um porco dura 30 minutos.
(Porque a natureza foi tão generosa logo com o porco?)

Uma barata pode sobreviver 9 dias sem sua cabeça até morrer de fome.
(Ainda não consegui esquecer o porco)

Bater a sua cabeça contra a parede continuamente gasta em média 150 calorias por hora.
(Não tente isso em casa; talvez no trabalho!)

O louva-deus macho não pode copular enquanto a sua cabeça estiver conectada ao corpo. A fêmea inicia o ato sexual arrancando-lhe a cabeça.
(‘Taí a origem do ditado: perde-se a cabeça por um bom ….’)

A pulga pode pular até 350 vezes o comprimento do próprio corpo. É como se um homem pulasse a distância de um campo de futebol.
(Trinta minutos…que porco sortudo! Dá pra imaginar?)


O bagre tem mais de 27 000 papilas gustativas.
(O que é que pode haver de tão saboroso no fundo de um rio?)

Alguns leões se acasalam até 50 vezes em um dia.
(
Que porco sortudo….qualidade é melhor que quantidade!)

As borboletas sentem o gosto com os pés.
(Isso eu sempre quis saber)

O músculo mais forte do corpo é a língua.
(Hmmmmmmmm…)

Pessoas destras vivem em média 9 anos mais do que as canhotas.
(E se a pessoa for ambidestra?)

Elefantes são os únicos animais que não conseguem pular.
(E é melhor que seja assim!)


 A urina dos gatos brilha quando exposta à luz negra.
(E alguém foi pago para descobrir isso?!)

O olho de um avestruz é maior do que o seu cérebro.
(Conheço gente assim)


Estrelas-do-mar não têm cérebros.
(Conheço gente assim também)
Ursos polares são canhotos.
(Se eles começarem a usar o outro lado, viverão mais)

Seres humanos e golfinhos são as únicas espécies que fazem sexo por prazer.
(E aquele porco???)

Agora que você já deu pelo menos uma risadinha, é hora de mandar esses fatos malucos para alguém que mereça rir também, ou seja… TODO MUNDO!


MAS QUE SORTE A DO PORCO, HEIM?!

COMPRAS ON LINE – CUIDADOS QUE VOCÊ DEVE TER






 
Crédito imagem - mensagenseimagens.com.br



O site de Maria Inês Dolci, Defesa do Consumidor, Folha.com, alerta aos consumidores para as compras online de Natal.



Segunda aquela especialista, o consumidor, “Caso opte pela compra online para o Natal fique de olho no prazo da entrega prometido pelo site, pois há empresas que estipulam até 17 dias úteis como constatou pesquisa feita pela Proteste. Outra pegadinha é oferecer produto com preço mais baixo que a média do mercado e depois informar o cancelamento da compra por falta de produto em estoque. E há empresa que ao invés de estornar o valor cobrado oferece crédito para novas compras, o que é um absurdo.



A questão do prazo deve ser bem observada por aqueles que recorrerem a esse tipo de compra, especialmente se tratar de produtos para as crianças, pois elas poderão ficar sem o tão sonhado e esperado presente do Papai Noel.



Diante disso, o consumidor deverá refletir se vale a pena arriscar num momento tão especial para os seus filhos.



Fonte:



27 de novembro de 2011

CARTÃO CORPORATIVO - VEJA O GASTO


Você sabe o montante que é gasto com cartão corporativo.

Veja.


Gastos com Cartão Corporativo
até julho de 2011
Órgão
Total (R$)
Presidência da República
8.225.401,73
Min. da Justiça
7.227.872,47
Min. da Educação
2.888.444,10
Min. do Planejamento
2.228.773,27
Min. Agricultura
1.791.021,93
Min. da Saúde
1.765.165,80
Min. do Desenvolvimento Agrário
1.380.920,79
Min. da Fazenda
1.069.884,92
Min. da Defesa
881.597,20
Min. do Trabalho
778.768,10
Min. do Meio Ambiente
453.134,62
Min. de Minas e Energia
297.504,34
Min. da Ciência e Tecnologia
269.412,77
Min. dos Transportes
188.533,03
Min. da Integração Nacional
152.181,62
Min. das Cidades
122.573,47
Min. do Desenv. Indústria e Comércio Ext.
107.642,71
Min. da Previdência Social
84.177,22
Min. da Cultura
41.921,03
Min. das Comunicações
39.369,36
Min. da Pesca
30.528,50
Min. das Relações Exteriores
19.819,07
Min. do Esporte
1.906,28
Total:
30.046.554,33

Fonte: Portal da Transparência (CGU) - até julho/2011