31 de agosto de 2013

BRASIL : RECORDES







Brasil tem pizza mais cara do mundo
http://vejasp.abril.com.br/materia/pizza-paulistana-e-a-mais-cara-do-mundo

Congressita do Brasil é segundo mais caro do mundo
http://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2013/02/17/congressista-do-brasil-e-2o-mais-caro-do-mundo/

Brasil tem ingressos de cinema entre mais caros do mundo
http://fgvnoticias.fgv.br/node/4021
Brasil tem maior carga de impostos trabalhistas do mundo

Brasil tem CARROS mais caros do mundo

Brasil tem maior quantidades de pedágios por km no mundo

Brasil tem IPAD mais caro mundo

APPLE STORE do Brasil é a mais cara do mundo

Brasil é o país com mais homicídios de jovens do mundo, segundo UNICEF

Brasil campeão mundial em homicídios... 45 mil por ano

Brasil é o país onde se consome mais REMÉDIOS FALSIFICADOS no mundo

Brasil tem maior carga de impostos em telecomunicação

Brasil é o país que mais desmata no mundo

Brasil tem bicicletas mais caras do mundo

Brasil em segundo lugar no ranking de vitimas fatais de moto

Brasil tem tarifa de celular mais cara do mundo

Brasil tem maior carga de impostos indiretos do mundo

Brasil tem terceiro BIG MAC mais caro do mundo

67 cidades brasileiras tem mais mortes que o Iraque em guerra

ONU diz que Brasil é país onde mais se mata no mundo



Nota:

Recebi o texto por e-mail de uma amigo.

24 de agosto de 2013

Rede de Espionagem dos Estados Unidos






               

O governo da presidente Dilma e muitos políticos brasileiros demonstraram muita preocupação com as denúncias sobre a existência de uma rede de espionagem criada pelo governo dos Estados Unidos e que a mesma teria sido montada também no Brasil.

Segundo o jornal O Globo “a espionagem teria atingido também o Brasil. A matéria fala que milhões de telefones e e-mails de cidadãos brasileiros teriam sido monitorados, a partir de uma base de espionagem por satélite em Brasília, e que teria funcionado pelo menos até 2002. Os escritórios da Embaixada do Brasil em Washington e da missão brasileira nas Nações Unidas também teriam sido alvos de espionagem”.

Tal fato não é novo. Segundo o site Olhar Digital, “o governo brasileiro já sabia dessa rede de espionagem desde 2001. Nada fez e agora se mostra indignado com a reportagem que divulgou as informações vazadas pelo ex-agente americano Edward Snowden”. 

Em matéria divulgada pelo site Diário da Rússia, a nossa presidente Dilma afirmou que “A espionagem atinge nossa soberania e direitos inalienáveis da nossa população. Defendemos a preservação de nossa soberania e privacidade de nossos cidadãos e empresas. Devemos também adotar medidas pertinentes para coibir a repetição dessas situações”.

Segundo o mesmo site, os países que teriam sido visitados pela espionagem teriam sido o Brasil, Colômbia, México e a Bolívia.

Ouvidos no Senado três dos atuais ministros do governo brasileiro admitiram a fragilidade do sistema de defesa de informações sigilosas no Brasil. Um deles chegou a afirmar que a solução seria o desenvolvimento de tecnologias nacionais e um novo satélite brasileiro.

Diante disso, podemos concluir, sem medo de errar, que a solução para tamanha incompetência é a volta de velha e útil máquina de escrever, como alias tem sido já adotada por outros países.

Não podemos concordar com a espionagem americana, mas se a tal “caixa preta” fosse aberta certamente o STF teria que abrir e julgar muitos outros “mensalões”.

Fonte




       


18 de agosto de 2013

Quem vence : Barbosa X Lewandowski ou a Justiça brasileira?






As constantes desavenças entre os ministros Joaquim Barbosa e Ricardo Lewandowski, ocorridas ao longo do julgamento do mensalão, tem dividido a opinião de juristas. Creio, por outro lado, que a maioria do povo brasileiro se posicione ao lado do Ministro Joaquim Barbosa, rejeitando, a postura adotada por Lewandowski em suas intervenções naquele julgamento.

Em nota publicada no portal Terra, magistrados (membros da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) e Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra)) criticaram a postura do presidente do STF Joaquim Barbosa. Diz a nota:

 “... o Código de Ética da Magistratura estabelece entre os deveres dos magistrados a urbanidade e a cortesia para com colegas e que as insinuações feita por Joaquim Barbosa naquela julgamento, em referência a postura adotada por Lewandowski não contribui para o debate e pode influir negativamente para o conceito que se possa ter do próprio tribunal, pilar do Estado Democrático de Direito”. 

Se nossa análise for feita apenas como leigos, e é isso o que tem sido feito pelo povo brasileiro por meio das redes sociais, não resta menor dúvida de que Joaquim Barbosa vai figurar como herói e Lewandowski como vilão. Mas se olharmos como operadores do Direito, certamente iremos concluir de que ambos estão deixando que o calor de uma rusga pessoal, o façam esquecer de que são obrigados a respeitar um código de ética e, com o máximo de rigor, todos os preceitos jurídicos que podem e devem ser aplicados àquele julgamento.

Diante de tudo isso, e no momento em que a sociedade brasileira está cada vez mais incrédula com os poderes constituídos, espera-se que o STF, órgão máximo da Justiça brasileira, não venha perder a credibilidade que ainda ostenta e que foi ratificada com o julgamento do mensalão.

De nossa parte esperamos que a vitória seja da Justiça brasileira, e não de qualquer dos juízes que hoje ocupam as cadeiras dos STF.