2 de outubro de 2012

STF: é hora de deixar de lado a vaidade pessoal



 


Crédito Imagem - blogs.maiscomunidade.com



      

       As constantes desavenças que recentemente têm ocorrido envolvendo ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) podem ofuscar o momento histórico que vive aquela corte ao julgar o famoso mensalão.

       Quando as questões que motivam tais conflitos nascem do calor das teses jurídicas que cada um adota ao votar, não podemos tecer críticas aos eventuais debatedores. Todavia, quando a vaidade pessoal dos senhores ministros surge, camuflada nessas discussões, não são apenas os debatedores, mas o STF como um todo, que perde a sua credibilidade.

       Tenho o maior respeito por alguns dos componentes da nossa Corte Constitucional. Mas, ultimamente, muitos deles têm demonstrado comportamento passível de censura, ao deixar transparecer em seus pronunciamentos públicos os conflitos internos que existem entre eles. Vez por outra, como já se disse, os fatos geradores não estão ligados às teses jurídicas que adotam, mas na disputa pessoal por espaço maior na mídia.

       O momento é de reflexão, e os senhores ministros precisam refletir muito: o mundo todo está assistindo aquele que pode ser considerado o maior julgamento da história do nosso STF.
      
      

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos seu comentário. Críticas serão sempre aceitas, desde que observado os padrões da ética e o correto uso da nossa língua portuguesa.